terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

meu amor de verão!


Era verão, calor, sol, mar
o que eu jamais imaginava era que iria amar
tudo que era tão comum
tudo que era tão simples e sem graça
tudo isso virou surpriendentemente novo ao teu lado
Você veio parar em minha vida de um jeito tão surprendentemente inesperado que não tive tempo de armar minhas barreiras de proteção, não tive tempo de arranjar a desculpa perfeita para me distanciar, porque eu não sei nem mesmo o porque mais eu já estava louca para estar ao teu lado novamente e sentir você perto de mim era como ter um aconchego em um dia de inverno, simples e perfeito.
não tive tempo para pensar
não tive coragem de me afastar
não fui tola para te deixar partir
e fui ingenua a ponto de me apaixonar
Ingenua digo porque sei que não ira durar, e a medida que o outono chegar você ira partir assim como o Sol me deixando sozinha.
eu, eu mesa, e minha paixão de verão!

2 comentários:

Tefinha disse...

Juhh, adorei! Aliás, tem um post no meu blog que tem quase o mesmo tíltulo. Dá uma passadinha lá pra conferir ;)

Tefinha disse...

Juhh, adorei! Aliás, tem um post no meu blog que tem quase o mesmo tíltulo. Dá uma passadinha lá pra conferir ;)